Google+ Followers

sexta-feira, 27 de maio de 2016

PrePrints ainda não temos uma utilização!

Caros seguidores.

Recebi essa mensagem sobre as publicações pré impressão, ou pré publicação. Mas é o que chamamos Ahead of Print ou In Press com a opção de deixar em servidor de dados o artigo para ser avaliado pela comunidade científica, também pelo editor, e revisores.

Achei interessante que essa modalidade de décadas ainda é pouco utilizada em nossa região América Latina e Caribe, ao qual estamos avançados em publicação em Acesso Aberto.

Os PrePrints é uma consequência do Acesso Aberto, mas, poucas revistas a utilizam. Participo do corpo editorial de uma revista de Matemática, onde publicamos In Press há muitos anos, pois, é comum nessa área, o Boletim da Sociedade Paranaense de Matemática,  e já publicamos 2017. Mas em áreas de saúde, biológicas, humanas existem ainda restrições aos PrePrints, pois, não é comum divulgar antes da revisão por pares e publicação.

Veja a entrevista e o Vídeo, que lhes será muito importante. E divulguem!

Entrevista e Vídeo aqui:

VIDEO:



May 27, 2016 

quinta-feira, 9 de julho de 2015

Retratação na Publicação Científica

Caros, fiquei muito impressionado de como o espaço da comunicação científica está tão rápido . Em fevereiro fui convidado pela Associação Brasileira de Editores Científicos - ABEC para apresentar uma palestra sobre Retratação aos editores e comunidade científica . Após preparar, precisava apresentar um caso e uma metodologia confiável ao público . Fiz uma busca na revista Science de exemplos e encontrei o caso mais recente LaCour e Green . E fiz a primeira apresentação em português do CrossMark do CrossRef. O assunto de retratação está tão latente, que nessa mesma semana 3 textos jornalísticos e de divulgação foram publicados. Na Folha, na Veja e no SciELO, referente ao mesmo caso. Fiquei espantado de como a Ciência tem canais muito rápidos relacionados com a integridade científica. Também recebemos o principal evento no Rio de Janeiro, o WCRI 2015. Vejam os textos:

quarta-feira, 24 de junho de 2015

CONSTRUINDO UM REGISTRO DOI E ATIVANDO, UTILIZANDO O SEER/OJS

CONSTRUINDO UM REGISTRO DOI E ATIVANDO, UTILIZANDO O SEER/OJS  

Por Edilson Damasio
Bibliotecário, Doutorando em Ciência da Informação, IBICT/UFRJ, Maringá, Paraná, Brazil
e-mail: edilsondamasio@gmail.com
http://lattes.cnpq.br/2020885565021794
Twitter: @edilsondamasio
Slideshare

O DOI (Digital Objetct Identifier), um link persistente e registro único internacional de publicação on-line, é muito importante, principalmente agora na web 2.0, onde, os textos serão acessados pela quantidade links a eles destinado.

Utilizar o endereço para solicitar a filiação ao CrossRef que enviará por e-mail um contrato (PILA) e demais documentos a ser impresso, preenchido o contrato e enviado para o CrossRef, via encomenda expressa logo entrarão em contato com o login e senha.

Primeiramente precisa-se ser associado ao CrossRef (com uma anuidade), mas agora está mais fácil devido o Convênio ABEC/IBICT, após a associação terá o custo de implementação por artigo, livro, capítulo de livro, e demais documentos on-line, e as faturas são trimestrais.

A inserção dos registros é em XML. Segue a tabela de custos e demais informações. http://www.crossref.org/02publishers/20pub_fees.html

Lembre-se que a associação é institucional, desta forma gerará demanda para todas as publicações da Instituição, e a alimentação tem que ser centralizada. Também pode ser individualizada. Para solicitar a associação deverá ser como Publisher a instituição: http://www.crossref.org/02publishers/22request_mem.html

Todos os registros DOI iniciam-se com o “10”, após ponto “.” mais quatro ou cinco dígitos numéricos denominados este conjunto de prefixo (Ex: 10.4331). Este é único e definido pelo Crossref para uma determinada instituição ou editora. Após a barra “/” terá uma sequência alfanumérica em que os dados serão definidos pelo associado, com informações sobre o documento ao qual está identificado, o controle é individual, este denomina-se sufixo (THE DOI GUIDELINES).

É necessário neste período de criação do sufixo, que tenha uma diferenciação entre eles, mas de preferência que o sufixo tenha informações sobre o título do periódico, volume, número ou até páginas do artigo. A construção e continuidade do padrão adotado no sufixo são de extrema importância, para a identificação do DOI.

No SEER/OJS existe o formato padrão, onde o sufixo é definido pelo título abreviado do periódico em letras minúsculas, “.” Ponto, letra “v” volume e seu número, letra “i” número do fascículo, “.” ponto e numeração única do artigo no sistema (ID). Ex: 10.4333/revminha.v3i1.998. O hyperlink é sempre iniciado com http://dx.doi.org/ Ex: http://dx.doi.org/10.4333/revminha.v3i1.998

Nas versões superiores a 2.3 existe outros formatos para definir o seu número DOI, mas é importante informar que após a barra “/” ou sufixo, é livre para a criação de registros únicos, com qualquer formatos alfanuméricos, símbolos, etc. O software SEER/OJS versão 2, tem um plugin de geração dos registros DOI em XML no padrão CrossRef. No SEER o prefixo é delimitado nas informações sobre os detalhes da revista e sua configuração.

Para isso, seguir os seguintes passos. Configuração, ítem 1.1 - Abreviatura (definir) - ISSN on-line (obrigatório) - inserir o número de prefixo DOI, fornecido pelo CrossRef. - Salvar Configuração, ítem 4.3 - marcar o terceiro ítem Configuração, ítem 4.4 habilitar número de páginas e utilizá-las na publicação - Salvar.

O SEER já estará pronto para gerar o arquivo XML para exportação. Após ser definido a configuração do DOI, após o fascículo ser publicado, deve-se utilizar o plugin de exportação do SEER em XML (Editor gerente/Administração/Exportar) já para o formato adotado no Crossref.

Neste procedimento o sistema solicitará qual fascículo ou artigo deseja exportar em XML e gerará o arquivo pronto com os metadados schema para importação ou upload no sistema do Crossref. Acessar a área de upload do CrossRef http://doi.crossref.org. Após alguns minutos o DOI estará funcionando, Ufah!

Testar na página principal do CrossRef. O CrossRef sempre avisa ao e-mail do endereço de suporte se foi ativado com sucesso, ou se tem erros ou conflitos. Para gerenciar erros e conflitos, tem-se que ter experiência em edição de XML no formato adotado pelo CrossRef .

Boas iniciativas!!! e citem esse post.


terça-feira, 15 de outubro de 2013


Apresentação de números de DOI's do CrossRef, internacionais e luso-brasileiro - 4 CONFOA na Biblioteca Brasiliana - USP.

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Digital object identifier (DOI) norma ISO

Norma ISO para o DOI

A ISO publicou a norma para DOI (Digital Object Identifier). Agora temos uma diretriz para padronizar. Não tive acesso a essa norma, mas, creio que é de grande importância para as dúvidas de quem está utilizando o DOI. Poderá ser utilizada na criação, registro e gestão de DOIs. Mais informações:
ISO - News - Digital object identifier (DOI) becomes an ISO standard

Eventos importantes sobre periódicos:

II BRISPE, será realizado de 28 a 31 de maio na UFRJ / FIOCRUZ / USP / PUCRS. Evento internacional sobre integridade em pesquisa e ética em publicação. 

II EUSEER, será realizado em Brasília no período de 13 a 15 de junho, estarei ministrando uma oficina sobre indexação e na coordenação da mesa do Creative Commons. Organização do IBICT / UnB / ABDF.

A ABEC realizará em julho seu tradicional Curso de Editoração Científica / Seminário Satélite para Editores Plenos, será na UFMG no período de 9 a 11 de julho. Serão capacitados em conhecimento de publicações periódicas, indexação, fator de impacto. Terá uma temática sobre Plágio, em que estarei apresentando o CrossCheck.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

PKP em Berlin

Caros seguidores, estava assimilando o que poderia ser de importante para divulgar. Tive a viagem para apresentação dos trabalhos no evento do PKP em Berlin, que foi excelente. Acessem os resumos e vão se surpreender com o nível das apresentações e conferências. Ver ao vivo Jonh Willinsky e o colega Gustavo Fishman foi muito gratificante e motivador, pois, vi que estamos no Brasil muito bem, em relação ao acesso aberto de nossos periódicos. De instalações do OJS/SEER temos no momento 1.650 revistas, todos ficaram impressionados com a quantidade de periódicos que utilizam o OJS, temos que agradecer ao IBICT pela grande disseminação. Fiz uma apresentação mostrando que saltamos de 2005 (17 periódicos no JCR Science Edition) para 2010 (89 periódicos), é um número que mostra que o acesso está gerando visibilidade para nossas publicações. Em minha apresentação tem o CASE da Acta Scientiarum. Agronomy, a 20ª revista mais importante do Brasil, e a segunda em Ciências Agrárias, ao qual, faço parte da equipe de estratégias, planejamento e gestão, e me orgulho muito. De 2006 à 2011 este e outros periódicos Acta Scientiarum de nossa editora - Eduem alcançaram ótimos níveis de indexação e avaliação.

CrossRef

Alguns colegas entraram em contato para saber sobre as faturas do CrossRef. Apresentei no CBBD a questão da fatura anual para quem usar até U$1.000 dólares de DOI, evitando a grande despesa e burocracia para pagamentos trimestrais. O CrossRef atendeu a indicação que fiz durante o evento na UFSC, de que gastamos muitas vezes mais de taxas de câmbio do que de DOI. Então as faturas serão enviadas referente ao último trimestre do ano junto com a Invoice da anuidade, assim, facilitando o pagamento em um único processo. Acesse a newsletter com estas e outras informações importantes. http://www.crossref.org/10quarterly/quarterly.html


Agenda


  • Estarei o Encontro Nacional de Editores Científicos-ENEC da ABEC em Gramado. Excelente evento destinado aos editores e profissionais da informação que querem crescer e aprender muito sobre publicações científicas. Evento bianual ao qual já fui palestrante em 2009, apresentando o DOI. A programação está excelente, não percam esta oportunidade. XIII Encontro Anual de Editores Científicos


  • Estarei como palestrante no V Seminário de Pesquisa do PPI-Programa de Pós-Graduação em Psicologia da UEM.


  • Também estarei atualizando o IFPR em curso de OJS.